BNDES propaga as diretrizes para pessoas físicas se dedicar em Energia Solar

Fundo

O Fundo Clima é proposto a programas de Mobilidade Urbana, Cidades Sustentáveis, Resíduos Sólidos, Energias Renováveis, Máquinas e Equipamentos Eficientes e outras iniciativas inovadoras.
O objetivo é custear produções e aquisições com altos índices de aptidão energética ou que auxiliem para supressão de emissão de gases de efeito estufa.

Itens financiáveis

Tem direito a ser assistidos financeiramente os seguintes elementos, desde que novos e nacionais, cadastrados e habilitados para o subprograma no Credenciamento de Fornecedores Informatizados – CFI do BNDES: máquinas e equipamentos registrados no Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE) ou com a chancela Procel (levando em conta os itens para os quais o PBE provê a certificação de capacidade energética, serão aprovados somente os de graduação A ou B); sistemas geradores fotovoltaicos, aerogeradores até 100kw, motores movidos a biogás, inversores ou conversores de frequência e coletores/aquecedores solares; ônibus e caminhões elétricos, híbridos e outros modelos com tração elétrica; e ônibus movidos a etanol.

Se você deseja ser um instalador de placas fotovoltaicas, clique o link:instalador fotovoltaico https://leenylynn.tumblr.com/post/175419750013/bndes-dissemina-as-regras-para-pessoas-físicas