Fale Conosco

Blog da Hora

RETROSPECTIVA DO MEU ANO DE 2020 – O QUE O CORONAVÍRUS FEZ COMIGO

Vídeos

RETROSPECTIVA DO MEU ANO DE 2020 – O QUE O CORONAVÍRUS FEZ COMIGO

Esse foi sem dúvida um dos anos mais difíceis da minha vida!
Tudo começou bem, como sempre o coração cheio de planos, esperança de coisas boas…

Mas no mês de Março estourou a pandemia do coronavírus e chegou aqui na minha pequena cidade de interior, Tianguá – Ceará.
Eu, além de YouTuber, sou técnica em Radiologia e trabalho em um hospital muito estruturado que atende pacientes de toda a região, Sociedade Beneficente São Camilo, portanto, era e ainda sou da linha de frente.

Confesso que senti muito medo, segui rigorosamente os protocolos de segurança, sempre devidamente paramentada, nunca recuei, sempre fui pra cima, atendendo os pacientes da linha vermelha (com COVID-19) com toda humanidade, respeito e carinho. Eu poderia ter recuado, pedido demissão, sim, com certeza eu tinha essa opção que para toda a minha família era a mais certa, a mais “inteligente”! Mas nunca pensei em fazer isso, que tipo de profissional larga o barco no meio de uma tempestade e não se preocupa com os outros que também estão lá?
Era o momento que o hospital mais precisava de mim, os doentes mais precisavam de mim, Deus mais precisava de mim… E eu não parei!

Saía de casa pro trabalho com o coração angustiado. O hospital ligeiramente se transformou em um cenário de guerra contra o vírus, bloqueios, cercas, profissionais cobertos com roupas, gorros, máscaras, óculos, viseira… Não dava nem pra reconhecer uns aos outros.
Não chegava mais nada além de pacientes com sintomas de covid, alguns muito ruins, vi gente morrer na minha frente, sem ter direito a acompanhante, ninguém pra segurar sua mão na hora da morte…

Em meio a todo esse caos, eu, mesmo com todo cuidado, fui contaminada!

No sétimo dia do início dos sintomas comecei a sentir falta de ar, tosse seca incontrolável e dificuldade de respirar, fui sozinha pro hospital, estava tão mal que quase não consiguia me arrumar para ir. Antes de chegar no hospital passei em uma clínica e realizei o teste rápido para COVID-19, o resultado seria enviado pra mim com duas hs.
Chegando no hospital realizei uma TC de tórax, obviamente que quem fez foi um colega de trabalho(e amigo). Quando ele viu meu exame já me trancou na sala pra eu não ir embora e chamou os médicos para verem meu exame, do vidro da sala pelo lado de dentro vi a Dra. preenchendo meu prontuário, no mesmo instante chegou a mensagem do laboratório com o resultado do meu teste rápido. IGG reagente , IGM reagente. Eu realmente estava com covid!😭
A Dra. me chamou e me falou que eu teria que ficar internada, meu pulmão estava com mais de 25% de comprometimento, eu estava com pneumonia viral por coronavírus.
Chorei, me desesperei, liguei pra avisar minha família…

Fiquei internada por 5 dias, sofri muito, pensei que fosse morrer, se a saturação baixasse eu sei para onde eu iria, pra UTI, e esse era o meu medo.
2 dias de internada, realizei um exame de RX para ver a evolução, e meu pulmão estava bem pior do que no primeiro dia da internação, aí bateu o desespero, chorei do RX ao leito que eu estava, eu sabia da rapidez que esse vírus tem pra fazer um estrago grande e eu estava com medo. Mas graças a Deus, recebi alta 3 dias depois, não curada, mas melhorada.

Em casa tive uma piora grande, comecei sentir outros sintomas, além do cansaço e da falta de ar. Dores musculares intensas, dor na nuca, confusão mental, dor nas costas…

Foram dias difíceis demais!😔

Quando acabou meu atestado voltei a trabalhar, mas ainda muito debilitada e inchada.
Sentia muita dor lombar.

Dias depois em uma madrugada acordei muito mal, com 40 graus de febre, calafrios, meu esposo chamou minha mãe porque eu não conseguia trocar de roupa para ir pro hospital, eles me vestiram e fomos pro hospital.

Fiquei de observação para realizar exames, quando chegou o resultado fiquei internada novamente, eu estava com infecção renal severa em decorrência da covid, sequela…🤦🏼‍♀️

Ah, nessa hora eu chorei, gritei, fiz escândalo, pq eu não queria ficar, queria fazer o tratamento em casa, mas um amigo meu veio conversar comigo e disse no meu ouvido com muita autoridade que eu ía ficar sim, que eu não iria pra casa de jeito nenhum porque se eu fosse iria morrer! E me acalentou também…❤️
Então entendi que teria que passar por isso, pelo menos dessa vez eu poderia ter acompanhante…
Minha mãe ficava comigo a noite e o Berg o dia, o Davi me acompanhou também um dia!
Fiquei 8 dias internada, sofri tanto, as febres eram altas e resistentes, com calafrios e dores de cabeça…

A Dra. me deu alta mas passou injeções para eu continuar o tratamento.
Eu tomei duas injeções por dia durante 5 dias.

Recebi alta em uma sexta, no domingo eu já estava na igreja, mesmo debilitada eu fui.
Como era bom estar alí, Deus teve muita misericórdia de mim, mesmo sem eu merecer…😭

Fiquei com muitas sequelas mas lutei e estou lutando contra cada uma delas e tenho certeza que vou vencer, pois tenho um Deus que nunca me deixa sozinha, que me levanta pra andar sobre o mar!

Clique Para Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook

Clique Aqui e Ganhe Um e-Book Grátis
To Top